.

.

.

Conheça meu Blog: Rascunho&Uísque --- E se puder, me dê um apoio: Apoie se

Diaba


Ela me encontrou perdido por aí
Naquelas noites de fogo
Em que ninguém ouve ninguém
Ela me fez ficar fascinado
Tinha cheiro de aventura
E tinha gosto de prisão.

Inocente eu me entreguei
Deixei meu ego para trás
E me transformei em seus desejos
Pouco a pouco fui perdendo minha identidade
Até que um dia, eu disse a ela
Palavras sentimentais
Palavras bonitas de um amante
Ela não se encantou,
mandou eu pegar as lindas palavras e enfiar na bunda.
Que diaba!
De iludido, ela me libertou
Me tirou daquela vidinha tola de agradar outros
A diaba fez eu entender que ninguém se importa com declarações
Fez eu ver que as pessoas fingem gostar de palavras bonitas
E ninguém está nem aí com a emoção alheia.

A diaba me ama mais que todas as outras pessoas
Ela disse a verdade: “Não seja piegas!”
“Não disfarce o tesão com frases de cinema”
“Pare de esconder intenções com sorrisos”
“Deixa de drama e me leva pra cama.”

E a lição mais importante:
"Não se torne o que a outra pessoa quer,
pois tudo que se adequa demais, fica desinteressante."

Escrito: 13/08/2016 Por: Fernando do Amaral - Publicado: 15/08/2016 Google+

Leia também: